História do Minho

 

O Minho é uma antiga província (ou região natural) portuguesa, formalmente instituída por uma reforma administrativa havida em 1936. No entanto, as províncias nunca tiveram qualquer atribuição prática, e desapareceram do vocabulário administrativo (ainda que não do vocabulário quotidiano dos portugueses) com a entrada em vigor da Constituição de 1976. É desta região que vieram a maior parte dos portugueses que colonizaram o Brasil a partir do século XVIII

Limitava a Norte e a Nordeste com a Galiza, na Espanha (províncias de Pontevedra e Ourense, respectivamente), a Este com Trás-os-Montes e Alto Douro, a Sul com o Douro Litoral e a Oeste com o Oceano Atlântico.

Era então constituída por 23 concelhos, integrando a totalidade dos distritos de Braga e Viana do Castelo. Tinha a sua sede na cidade de Braga.

Distrito de Braga: Amares, Barcelos, Braga, Cabeceiras de Basto, Celorico de Basto, Esposende, Fafe, Guimarães, Póvoa de Lanhoso, Terras do Bouro, Vieira do Minho, Vila Nova de Famalicão, Vila Verde.

Distrito de Viana do Castelo: Arcos de Valdevez, Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Ponte da Barca, Ponte do Lima, Valença, Viana do Castelo, Vila Nova de Cerveira.

Se ainda hoje a província em causa existisse, contaria provavelmente com 24 municípios, posto que foi entretanto criado um novo concelho, na área do distrito de Braga: Vizela (em 1997, por secessão de Guimarães).

Para alguns geógrafos, esta província, em conjunto com o Douro Litoral, formava uma unidade geográfica maior: o Entre Douro e Minho.

Por outro lado, podia dividir-se em duas regiões: o Alto Minho, correspondente ao distrito de Viana do Castelo, e o Baixo Minho, correspondente ao distrito de Braga.

Actualmente, o seu território encontra-se na região estatística do Norte, repartindo-se pela totalidade das subregiões do Minho-Lima e do Cávado, e parcialmente pelas subregiões do Ave (concelhos de Fafe, Guimarães, Póvoa de Lanhoso, Vieira do Minho, Vila Nova de Famalicão e Vizela) e Tâmega (dois concelhos das Terras de Basto, a saber Cabeceiras e Celorico de Basto).

Veja a História na sua totalidade, clicando no link abaixo:

 

História do Minho.pdf (3,5 MB)

 

Comentários

..

Data: 24-10-2018 | De: MCRATO

FILHOS DA PUTAAAAA!

Encontrar familiares em Portugal

Data: 28-08-2018 | De: JOÃO AUGUSTO DA SILVA PINTO

Tenho desejo de encontrar parentes na região de Minho, pois meu Bisavô migrou para o Brasil trazendo esposa e filhos, portanto desejo solicitar dupla cidadania portuguesa no futuro referente ao meu Bisavô.
Ele se chamava JOSÉ PINTO. Família PINTO, tradicional na região do MInho na época dos anos 1890 até 1940.
Meu email : jasppinto@hotmail.com
Desde já agradeço pelo apoio.

família presa

Data: 02-07-2018 | De: Angélica Gonçalves Presa

Gostaria de saber de qual parte ( distrito) da antiga Região do Minho tem origem a família Gonçalves Presa

família presa

Data: 07-05-2018 | De: Angélica Gonçalves Presa

Gostaria de saber de qual parte ( distrito) da antiga Região do Minho tem origem a família Gonçalves Presa

Quero saber onde meu avo e bisavo nasceu

Data: 31-01-2018 | De: Robson

Como faço pra pegar a certidao de nascimento deles

Re:Quero saber onde meu avo e bisavo nasceu

Data: 14-08-2018 | De: Arnaldo

Busca pela origem

Correção do topónimo.

Data: 24-09-2017 | De: Luís

Boa noite,
Agradeço as informações e peço a escrita na língua própria da Galiza do topónimo Ponte Vedra. A língua própria da Galiza é a galega e conhecesse internacionalmente como portuguesa, quer dizer, a mesma que estamos a utilizar.
Obrigado pelo seu trabalho.
Cumprimentos.

encontrar familia

Data: 18-08-2017 | De: Julio C R da Costa

Ja tenho nascionalidade Portuguesa pelo meu pai mas procuro outra parte de minha familia , meu bisavo Manuel Jose Martins faleceu em 1940 no Brasil , filho de Bento Martns e Maria joaquina Pinto , meu e mail julio88cr60gmail.com vivo em inglaterra .

Procuro família portuguesa

Data: 13-08-2017 | De: Psihelencbarbosa@gmail.com

Olá ! Gostaria de encontrar minha família Portuguesa, da Cidade do Minho ( provavelmente da Cidade de Viana do Castelo). Não procuro por nenhuma Herança material. Procuro resgatar meu direito a dupla nacionalidade. Tenho todos os documentos de meu avô e pai( infelizmente já falecidos). Desde o seu passaporte de saída de Portugal até sua certidão casamento e óbito. Procuro contato com tios , primos e quem quiser pode enviar e-mail. Sou Psicóloga, casada, neta de Português. Mudei minha história de vida sozinha e não vou desistir de encontrar meus parentes Portugueses. Como viram eu não desisto! Helen Corrêa Barbosa. ( Braz José Corrèa - avô Português)
Filiação do Vovô
Bisavô : José Banedicto Correa e
Bisavó: Joaquina das Dores da Silva.
Braz nasceu em: 18/05/1901 ( ponte do lima) citada no passaporte da República Portuguesa.
Carteira de trabalho no Brasil em 08/04/1936. Tenho todos os
Documentos. Aguardo contato de meus Compatriotas.

certidão de nascimento de Jose Joaquim Barroso

Data: 24-06-2017 | De: ana claudia soares

Gostaria de obter a certidão de nascimento de Jose Joaquim Barroso, que veio para o Brasil para não ter que ir lutar como combatente na segunda guerra mundial. sabemos que era da região do Minho, onde são cultivadas as uvas verdes/ chegou ao Brasil com quase 20 anos, nos idos anos 1885 aproximadamente.

1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Novo comentário